Cartas Pedagógicas – Aprendizados Que Se Entrecruzam e Se Comunicam

Pelo vínculo desta temática com as questões relacionadas ao projeto de educação popular − por isso sua atualidade − esse trabalho/pesquisa se destina a contribuir na formação de educadores populares que atuam no espaço escolar, formal e usual, na perspectiva da transformação social. Também poderá ser utilizado nos processos de formação de militantes de movimentos sociais e populares, ou comunidades de base. Ou, ainda, poderá ser favorável a todos aqueles/as cujo princípio de escrever “cartas pedagógicas”, com conteúdo e metodologia popular, lhes interessar. Como autora de Cartas pedagógicas: aprendizados que se entrecruzam e se comunicam, confesso que me surpreendeu a beleza histórica guardada nestes registros/cartas, disponíveis e ao alcance de nossas mãos. São verdadeiros “romances” de formação que poderão ser utilizados em diferentes contextos formativos. O importante é que o esforço de ordenar e apresentar uma leitura sobre esta temática tenha uma função social; especialmente hoje, diante do trabalho desafiador enfrentado pela Comissão Nacional da Verdade, que buscará esclarecer a verdade sobre os fatos e danos causados às famílias dos presos e desaparecidos políticos nos anos da ditadura militar.

Pelo vínculo desta temática com as questões relacionadas ao projeto de educação popular − por isso sua atualidade − esse trabalho/pesquisa se destina a contribuir na formação de educadores populares que atuam no espaço escolar, formal e usual, na perspectiva da transformação social. Também poderá ser utilizado nos processos de formação de militantes de movimentos sociais e populares, ou comunidades de base. Ou, ainda, poderá ser favorável a todos aqueles/as cujo princípio de escrever “cartas pedagógicas”, com conteúdo e metodologia popular, lhes interessar. Como autora de Cartas pedagógicas: aprendizados que se entrecruzam e se comunicam, confesso que me surpreendeu a beleza histórica guardada nestes registros/cartas, disponíveis e ao alcance de nossas mãos. São verdadeiros “romances” de formação que poderão ser utilizados em diferentes contextos formativos. O importante é que o esforço de ordenar e apresentar uma leitura sobre esta temática tenha uma função social; especialmente hoje, diante do trabalho desafiador enfrentado pela Comissão Nacional da Verdade, que buscará esclarecer a verdade sobre os fatos e danos causados às famílias dos presos e desaparecidos políticos nos anos da ditadura militar.

Peso0.102 kg
Páginas

103

Autor

Isabela Camini

Editora

Outras Expressões

Comentários

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a comentar “Cartas Pedagógicas – Aprendizados Que Se Entrecruzam e Se Comunicam”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *