Os cinco dedos de Tikal

Com a Segunda Guerra Mundial se aproximando, a astúcia da história entrecruza os caminhos de um grupo improvável de excluídos. Judeus, índios, comunistas e putas se vêm envolvidos em uma trama imponderável – e totalmente possível. O final da trilha pode decidir o destino de milhões de pessoas. Vida ou morte entre os Cinco Dedos de Tikal.

Com a Segunda Guerra Mundial se aproximando, a astúcia da história entrecruza os caminhos de um grupo improvável de excluídos. Judeus, índios, comunistas e putas se vêm envolvidos em uma trama imponderável – e totalmente possível. O final da trilha pode decidir o destino de milhões de pessoas. Vida ou morte entre os Cinco Dedos de Tikal.

Há dois modos de ler o primeiro romance do escritor, sociólogo e jornalista Jayme Brener. É uma saga familiar sobre laços aparentemente improváveis, amarrados entre o Leste Europeu e a América Central. Mas é também uma viagem pela história dos séculos XX e XXI, desde a Olimpíada de Berlim, em 1936, até o cotidiano de Israel hoje. É leitura adequada para um momento contemporâneo de tanto confronto: trata-se de um olhar retrospectivo, às vezes nostálgico, por vezes duro, que tenta entender em que ponto a civilização errou na defesa dos refugiados.

Peso0.500 kg
Páginas

358

Autor

Jayme Brener

Editora

Ex-Libris

Comentários

Não há comentários ainda.

Seja o primeiro a comentar “Os cinco dedos de Tikal”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *