A presença inglesa nas finanças e no comércio no Brasil imperial

Este livro trata de duas trajetórias emblemáticas: a de um empresário nativo, celebrado e mitificado, o Barão de Mauá, e um forasteiro, o comerciante inglês Samuel Phillips, cujas experiências singulares propiciam ao autor a composição de um quadro vivido da história econômica em tempos conturbados, de emergência do Estado brasileiro em sua ossatura imperial herdada de Portugal, e de estranhamento do capitalismo em suas formas vanguardistas, bancária e financeira, entre nós.

R$74,00

Em estoque

REF: 9788579391316 Categorias: , ,

Este livro trata de duas trajetórias emblemáticas: a de um empresário nativo, celebrado e mitificado, o Barão de Mauá, e um forasteiro, o comerciante inglês Samuel Phillips, cujas experiências singulares propiciam ao autor a composição de um quadro vivido da história econômica em tempos conturbados, de emergência do Estado brasileiro em sua ossatura imperial herdada de Portugal, e de estranhamento do capitalismo em suas formas vanguardistas, bancária e financeira, entre nós.
Carlos Gabriel encurta a temporalidade. Elege a experiência dos comerciantes, banqueiros e financistas Mauá e Smith como trajetórias privilegiadas para estabelecer aquela correlação entre passado e presente, num momento pleno de historicidade, tenso e dinâmico, que tornam comparativamente modorrentos os séculos coloniais. Para tanto se vale de um amplo cabedal de fontes primárias colhidas em arquivos nacionais e internacionais, atravessadas por um senso crítico apurado na vasta bibliografia compulsada. Um sólido estudo sobre o mais controvertido empresário brasileiro daquele século, quase um mito, que Carlos Gabriel busca depurar no confronto com a documentação.

Peso 0.55800 kg
Dimensões 2 × 22.6 × 15.7 cm
Editora

Alameda