Estudos de filosofia em linguagem popular

É possível que a tão sofisticada filosofia seja também discutida por pessoas simples? Vamos tentar? Na letra da música “Coisas do mundo, minha nega”, o compositor brasileiro Paulinho da Viola descreve um passeio que faz pela sua cidade e vai passando por ele uma multiplicidade de coisas – calçadas, ruas, automóveis, pessoas, animais, casas, mas durante o percurso ele vai identificando alguns personagens já conhecidos e se emociona, compõe uma música e nela conclui, de forma simples e filosófica, que as coisas estão no mundo só que eu preciso aprender.

R$25,00

Em estoque

SKU: 201952 Categoria:

É possível que a tão sofisticada filosofia seja também discutida por pessoas simples? Vamos tentar? Na letra da música “Coisas do mundo, minha nega”, o compositor brasileiro Paulinho da Viola descreve um passeio que faz pela sua cidade e vai passando por ele uma multiplicidade de coisas – calçadas, ruas, automóveis, pessoas, animais, casas, mas durante o percurso ele vai identificando alguns personagens já conhecidos e se emociona, compõe uma música e nela conclui, de forma simples e filosófica, que as coisas estão no mundo só que eu preciso aprender.

Formato

PDF

Páginas

Ano

Autor

José Guilherme Kock

Editora

Editora Garcia